A História do Tron no Pauper
17/05/2018 15:00 / 6,799 visualizações / 19 comentários
 
Bom dia, classe, Professor Pauper aqui em sala novamente com um breve aulinha de História. Hoje vamos contar como surgiu um dos arquétipos mais emblemáticos dentro do nosso formato das comuns: o TRON.
 
Se você já foi curioso o suficiente, já deve ter se perguntado de onde vem a nomenclatura TRON, já que ela parece não fazer nenhuma associação ao universo MTG. Pois bem: existiu um desenho animado na década de 80 chamado VOLTRON, em cujos episódios apareciam uns pequenos robôs que, quando juntos, ficavam relativamente mais poderosos para defender a galáxia (eis a abertura do desenho original ou um remake do NETFLIX). Bastante semelhante ao esquema do MEGAZORD e dos Power Rangers para a galera mais nova… Encurtando a história, o deck recebeu o nome de URZATRON (encurtado para TRON) em homenagem a esse esquema de montagem de peças, que são os terrenos de Urza.

Tratam-se de três terrenos (Urza's Mine, Urza's Power Plant e Urza's Tower) que sozinhos produzem apenas uma mana incolor. Porém, juntos, são capazes de produzir a quantidade absurda de 7 manas incolores (Mine - 2, Power Plant - 2, Tower - 3)! Na prática, essa geração abusiva de mana permite ao jogador do TRON conjurar mágicas substancialmente mais poderosas que seus oponentes após a montagem do TRON, geralmente finalizando a partida com criaturas gigantes (como o Ulamog's Crusher) ou com mágicas de custo variável X (como o fantástico Rolling Thunder).
 
 
A Origem
 
Interessante que, dentro do pauper, a “opção TRON” de geração abusiva de mana não foi a primeira. Na verdade, as listas TRON são descendentes de antigas listas de outros tipos de terrenos que geram grandes quantidades de mana: os Posts. Eis a lista:

UR CloudPost
 
Ex-UR Cloudpost - BANIDO - Pauper
2018-05-16

Jogador

JorgeJacoh

Visitas

6861

Código Fórum

[deck=892349]
 
Tratam-se de dois tipos de terrenos (Cloudpost e Glimmerpost) do plano de Mirrodin que são do tipo Locus, cuja categoria se caracteriza por gerar mais benefícios na coletividade. Ou seja, quanto mais terrenos do tipo Locus em campo de batalha, maior o benefício. No caso do Cloudpost, que foi banido em 2013 (parece que foi ontem), gerar muitas quantidades de mana incolor baseado na quantidade de Locus em campo de batalha foi a estratégia viável que deu a origem do tema do artigo.
 
Com o seu banimento, os jogadores de Post logo buscaram uma opção de substituição viável para essa geração de mana. Adivinha? Desenterraram o Urza e seu latifúndio lá de Antiquities. E assim surge uma das primeiras (se não foi a primeira) lista de Tron:
 
URZATRON Primal
 
Tron Pauper - Pauper
2017-05-04

Jogador

Lucasis

Visitas

11239

Código Fórum

[deck=576302]
 
Essa lista era muito parecida com umas das primeiras adaptações do Tron dentro do Pauper. Observe que era necessário juntar as peças do TRON para que as mágicas fossem devidamente efetivas. Sendo ⅓ do deck reservado especificamente para isso, você vai logo perceber que uma das fragilidades do TRON é a possibilidade de não se conseguir todas as peças. Desta forma, a lista fica aleijada de seus maiores potenciais, expondo uma das suas maiores fraquezas.
 
Na lista acima podemos perceber ainda a presença de massivo Card Advantage com o Mulldrifter e Sea Gate Oracle; e a possibilidade de finalizar (além de com Ulamog's Crusher) com o Fangren Marauder, que sempre foi decisivo em partidas contra o Affinity.
 
A evolução
 
 Com o block de Batalha por Zendikar, um novo card entra para o arsenal do TRON deixando-o ainda mais versátil e abrindo possibilidade: Pulse of Murasa. Com certeza, este card foi um divisor de águas para o arquétipo. Ele possibilitou a utilização do deck como uma Toolbox juntamente com o poderoso Mystical Teachings. Veja na lista:
 
Murasa TRON
 
Murasa TRON - Pauper
2018-05-16

Jogador

JorgeJacoh

Visitas

6869

Código Fórum

[deck=892358]
 
Aqui vemos uma grande diversidade de cards (1 de cada, basicamente), já que você tem a capacidade de tutorar a resposta mais efetiva para a situação desejada com Mystical Teachings, abrindo assim a abrangência do controle e diminuindo suas fraquezas. Veja também a presença de prevenção de dano com Moment's Peace e a reutilização de cards e Card Advantage com o combo Mnemonic Wall e Ghostly Flicker. É uma lista bastante completa que faz bons resultados no MOL e em torneios físicos, porém sofre bastante para as fadas e Tribe devido à velocidade. Veja que a necessidade do TRON foi atenuada e substituída por terrenos duais e Charms em algumas listas.
 
Logo após o lançamento de Pauper Modern Masters 2017, muitos novos cards apareceram para complementar o arsenal das comuns. Um deles foi o Dinrova Horror, que possui a incrível capacidade de um Recoil no palito de criatura 4/4. E com ele surgem listas baseadas em Dimir e Sultai TRON com a presença obrigatória do Dinrova Horror. A lista abaixo é do meu grande parceiro Erick Jones, que fez top4 no primeiro Pauper Masters do mesmo ano de 2017. 

O Erick me deu uma super consultoria neste artigo. Vlw cara!!! S2
 
Eis a lista:
 
Dinrova TRON by Erick Jones
 
Dinrova TRON - by Erick Jones - Pauper
2018-05-16

Jogador

JorgeJacoh

Visitas

6861

Código Fórum

[deck=892384]
 
O fascinante desta lista é daquela não necessidade exclusiva de se fechar o TRON no turno 3 como as listas anteriores. Ele se protege bem dos decks agressivos com uma boa quantidade de Moment's Peace (3 no main e 1 no side). Possui uma Toolbox equilibrada, não tão grande quanto ao do Murasa, porém mais focada, em minha opinião. Buscando as anulações, Flicker ou Murasa quando necessário. A essência deste controle está em “Flickar” o Dinrova Horror e a Mnemonic Wall, produzindo um efeito ainda mais perverso que o Capsize. Um destaque positivo está no Crop Rotation, que auxilia na montagem do TRON em velocidade instantânea! Não está nesta lista, mas já vi o Erick exilando cemitério em resposta aos meus Archaeomancer usando Crop Rotation e Bojuka Bog.
 
A Modernidade Líquida
 
Atualmente, o TRON sempre teve essencialmente duas fragilidades que já comentei anteriormente: as Fadas e os Tribes. Tem aparecido nos torneios atuais listas adaptadas ao novo meta. Imagina você conseguir negar ao seu oponente a sua fase de ataque. Conseguiu? O Stonehorn Dignitary possui essa capacidade que nunca tinha sido muito bem aproveitada no formato. Mais uma prova de que o formato tem muito a oferecer e cabe a nós, jogadores, explorarmos todo o potencial das comuns e não ficar preso ao que aparece na imprensa. Isso mesmo! Esse é um artigo que desestimula você a procurar decks em artigos… rs. Esse artigo do parceiro Ricardo Mattana - Pensando Fora da Caixa vai te ajudar a procurar soluções novas para problemas antigos. Foi o que o autor desta lista fez:
 
Stonehorn TRON
 
Stonehorn TRON - Pauper
2018-05-16

Jogador

JorgeJacoh

Visitas

6872

Código Fórum

[deck=892395]
 
Abandonando a tática do Dinrova, esse TRON trabalha com a possibilidade de “Flickar” o Stonehorn, fazendo o oponente pular a sua próxima fase de combate. Tem mais: agora momento interpretação de texto. Sr. Jones (o mesmo do Dinrova acima) me lembrou de um trecho do CR (Compreensive Rules). Vamos interpretar:

CR 614.10a
 
“Qualquer coisa planejada para ocorrer em uma etapa, fase ou turno pulado não acontece. Qualquer coisa planejada para a “próxima” ocorrência de algo espera pela primeira ocorrência que não é pulada. Se dois efeitos obrigam um jogador a pular a sua próxima ocorrência, esse jogador pulará as duas próximas ocorrências; um dos efeitos será realizado ao pular a primeira ocorrência, enquanto que o outro permanecerá até a próxima ocorrência que possa ser pulada.”
 
E aí? Entendeu? Se não, tirou zero em português. Vou lhe ajudar. Basicamente é, se você conseguir “Flickar” o Stonehorn 3 vezes em um turno, quantas fases de combate o oponente irá perder em sequência?
 
a. 01 - desisto senhor…
b. vou chamar os universitários
c. não sei somar
d. só jogo SpellFire, tô lendo esse artigo porque gosto do Jacoh...
e. 3 turnos sem fase de combate
 
Se você escolheu a letra D e E, está certo… Cada vez que a habilidade do Stonehorn for desencadeada, vai ser uma fase de combate perdida. Na prática, isso significa o que para o Tireless Tribe? GG — excelente mecânica.
 
Para não concluir
 
O arquétipo TRON é para aquela galera que curte a boa e velha opressão do controle sem abrir mão da criatividade. O que você acha do arquétipo? Já enfrentou um TRON? Já jogou algum torneio com um deles? Conhece algum diferente? Deixa aí nos comentários suas opiniões a respeito.

Se você tem sugestões de listas e arquétipos para serem analisados aqui, faça como o Sr. Jones e envie um e-mail para jorge.jacoh@hotmail.com, e nossa equipe de especialistas em Pauper (no caso, só eu mesmo) fará de tudo para publicar suas ideias aqui na Liga.

É isso galera… Classe dispensada!
 
JJ
TAGS: 

Jorge Jacoh Ferreira ( JorgeJacoh)
Jorge "Professor Pauper" Jacoh Ferreira é professor por profissão
e nas horas vagas também enchendo o saco de todo
mundo com esse negócio de Pauper.
Redes Sociais: Facebook
LigaMagic App

ARTIGOS RELACIONADOS

Mirror Match

Afinal, o que importa quando começamos iguais?


Unidos Venceremos

Fractius no Pauper.


Pensando Fora da Caixa

Tentando coisas diferentes no Pauper.


TOP5 Cards de Dominária para o Pauper

Destaques comuns da edição.


Novas Comuns em Masters 25

Cartas que entram no formato após reprints.





Comentários

Ops! Você precisa estar logado para postar comentários.

rolix (25/05/2018 13:53:20)

Bom demais o artigo! To cada vez gostando mais do formato pauper!

malditasaranhas (21/05/2018 20:17:28)

Aí Jorge, o primeiro Tron que eu vi jogando foi em 2012, na Konklave (antiga Rock and Games) e era o Tron Aurioques, que usava os elfos que buscam bichos com custo elevado. Era monogreen e estava longe da tecnologia atual. :-)

malditasaranhas (21/05/2018 20:12:11)

Eu montei um WUB Ghostly Flicker e estou usando o Stonehorn, mas não tinha me atentado para a questão de fazer o oponente pular várias vezes a mesma fase, blincando várias vezes o Stonehorn. Gostei, você tem evoluído muito! Parabéns!

Fodum (21/05/2018 16:30:36)

Eu tenho jogado com uma build que mescla stonehorn com dinrova, eu chamo de stonerova. Tem dado bons resultados. Excelente artigo!

Charlesandrew (19/05/2018 22:30:07)

falta umas builds BG, RG, JUND t.t

HAB_0013 (18/05/2018 23:34:06)

Excelente artigo, parabéns!!!

Ghighix (18/05/2018 10:16:35)

E todos viveram felizes para sempre.

Um dos únicos decks que vou manter (e terminar de montar).

Favoritei esse artigo aqui. Parabéns!

chris-blind (18/05/2018 09:56:31)

Como que esse Stonehorn foi printado como carta COMUM????

cwnannwn (18/05/2018 09:13:49)

TL,DR: A HISTÓRIA DO TRON NO PAUPER

Um dia alguém juntou os terrenos do Tron com qualquer outra coisa que não faz diferença. E daí aconteceu a mesma que acontece em todo formato: Tron tá lá só pra estragar.

FIM

sbceduardo (18/05/2018 09:09:17)

Ótimo artigo, mas eu diria que a mais famosa combinação de terrenos são 18 montanhas :P

ysoeiroBR (17/05/2018 20:09:24)

Artigo sensacional!!!

VIP OURO AdrianoTT (17/05/2018 18:31:36)

É "chover no molhado" dizer que o texto está bom, então não farei isso!!!! :)

Eu tenho 2 Trons no MOL, mas não consigo jogar bem com nenhum dos 2, enquanto não "fecho o Tron", normalmente, isso me faz perder a partida, quando só consigo fechar o Tron lá para 7o., 8o. ou turno posterior, mas acho que a culpa é só minha mesmo. Normalmente, quando jogo contra um, eu perco, acho que umas 85% das vezes... :P

Estou quase concluindo a montagem no físico dos meus Trons do MOL, só não sei quando irei "inaugurar", provavelmente, não tão breve.

Deck muito forte, se for bem pilotado, dificilmente, perde para o deck que eu mais jogo: o MBC. É uma bad match da P**** pro MBC enfrentar um Tron.

Foi muito legal saber a origem do nome.

Valeu, Professor! :)

playrusty (17/05/2018 17:59:35)

Caramba cara, que artigo liiiindo!!!

Fiquei feliz por demais em saber que pude contribuir nem que seja um pouquinho para esta bela obra de arte.

Normalmente é muito raro vermos muitos artigos falando sobre as estratégias do Tron no pauper, além disso eu nunca vi um artigo falando sobre o histórico e evolução do deck.

Muito bem apontado e escrito.
Parabéns Jacoh!
Conte sempre comigo...

Howler (17/05/2018 17:01:17)

Excelente artigo

Sobre o comentário final:

Sim, várias vezes no mol. Só ganho dele destas formas:

A)quebrando o grave
B) sendo muito rápido
C) gerando muita threat e secando os moment's peace( não ocorre contra dignitario)
d) time out

A opção d é a mais comum.

LuciferOwns (17/05/2018 16:51:02)

Eu to tentando jogar com isso. Mas minha cabeça é muito pequena pra esse deck. kkkkkkkkkkkk. coloquei os Ulamogs pra ver se ganhava e melhorou xD

Tyr (17/05/2018 16:43:15)

Pode crer... eu também nunca usei ou enfrentei um...

MrSocrates (17/05/2018 16:07:26)

Belo artigo!

Essa tech do Stonehorn chega a ser uma covardia contra o TT fjçasejifaçslefijaeçlf

JocelioFernandes (17/05/2018 16:02:57)

Poderiam adicionar uma opção de like no artigo. Muito bom. Nunca tiver a oportunidade de jogar nem de enfrentar um tron, mas saber sobre um dos decks mais famosos é sempre bom.

Tyr (17/05/2018 15:51:11)

Kkk... espetacular!!! Parabéns, cara!!!